Vacinada, concursada e alimentada: vem 2023!

Com posse de Lula a menos de dois anos, já vivemos a expectativa de começar a resolver os problemas da pandemia e anteriores à pandemia

Imagem: Twitter
por Bibi Tavares

Já é 1º de janeiro de 2023 e o pai tá oficialmente ON. Com sua geladeira farta de Brahma Puro Malte, refri pras crianças, linguiça Aurora e peças de carne da Friboi, o cidadão brasileiro aquece a churrasqueira pra assistir Lula ser empossado presidente pela terceira vez. Quase dois anos antes, quando a Vaza Ratos foi humilhada em âmbito internacional e Lula se tornou elegível novamente, dezenas de caravanas para assistir à posse em Brasília já estavam organizadas e lotadas. Mulheres grávidas com data provável de parto ainda em 2021 já tinham reservado lugar para seus pequenos nos ônibus.

Contribua com O Partisano - Catarse dO Partisano

Começa a cerimônia e somos obrigados a olhar pela última vez para a cara do Bolsonaro, mas tudo bem, o brasileiro é paciente. Por dentro, o Messias até que tá feliz por não ter mais que ficar toda semana explicando algum escândalo criminoso dos filhos. Depois de organizar a maior dança das cadeiras ministeriais do país, trocando os ministros toda semana, apronta sua última travessura. Momentos antes de passar a faixa ao Lulão, Bolsonaro vai ao banheiro e sai sem lavar as mãos. Lulão não tá nem aí, por já está devidamente vacinado.

Leia também:  Pazuello confirma vacinação no dia D - São Nunca

Pouco tempo depois da posse, Lula organiza a vacinação de quem ainda estava faltando, no caso, quase 70% do país. Com seu xaveco verbalizado naquela voz que deixa qualquer banqueiro desorientado, ele adquire tudo quanto é vacina, principalmente da China, Rússia e Cuba. Tudo com desconto e pra pagar em até 10x SEM JUROS!

Mais um tempo depois, o site da Catho está atingindo recordes diários de cadastro e seus assinantes são diariamente bombardeados com entrevistas e propostas de emprego, a maioria CLT. O empresariado está feliz de novo, taca-lhe crédito, porran. Os sites de concurso também estão bombando, até aqueles trambiqueiros do Estratégia Concursos que apoiaram o golpe, agora agradecem todo dia antes do jantar pelo presidente alcançado. No mesmo dia em que Lula se tornou elegível, em 2021, centenas de apostilas para concursos começaram a ser baixadas na internet e o Bolsonaro começava a cair, o milagre estava acontecendo.

Leia também:  Chacrismo cultural alcança o Twitter e choca internautas

Os Institutos e Universidades federais recuperam toda a sua qualidade após todos os indicados por Bolsonaro serem devidamente escorraçados de seus cargos no ministério da Educação. Balbúrdia, orgia e maconha voltam a reinar nos campi de todo o Brasil. Damares volta pro pé de goiabeira, Pazuello volta pra faculdade e vai cursar Administração no Mackenzie, Villas-Boas e Heleno empacotam por complicações da Covid, Flávio Bolsonaro vira funcionário num quiosque da Cacau Show no Shopping Iguatemi e Dudu Bananinha vai preso nos EUA por ter apoiado a invasão do Capitólio.

O cidadão de classe média vai poder voltar a ter plano de saúde, e o Enzo e a Valentina podem voltar pro inglês e pra natação. A filha do porteiro vai poder se graduar pelo FIES, ProUni ou Pronatec e fazer intercâmbio pelo Ciência Sem Fronteira. O Marcos Pontes vai voltar a pilotar foguete e vender travesseiro. O Bolsa Família e o Minha Casa, Minha Vida serão ampliados, vai ter renda básica dando os primeiros passos com o Suplicy de embaixador do projeto. Os aeroportos voltarão a ficar cheios de brasileiros trazendo muambas de Miami e Paraguai pra vender na 25 de março, que vai estar bombando com todos os camelôs com suas devidas autorizações e mandando o rapa pra casa do caralh*.

Contribua com O Partisano - Catarse dO Partisano

O trabalhador vai terminar de construir sua casa, breja e churrasco todo domingo na laje com seus 38 primos, 16 tios, seus 3 filhos com os 14 amiguinhos e seus pais. Praia sempre que fizer sol porque a gasolina vai estar acessível. É o Brasil feliz de novo!

Deixe uma resposta